O que eu aprendi como Speaker do TEDX?

Eu realizei um dos maiores sonhos da minha vida: pisar naquele tapete vermelho. E quando eu contava para as pessoas, elas respodiam “ahhhh, mas para você é fácil, Lena”. Então eu quero explicar porque foi tão desafiador pra mim, mesmo tendo experiência de palco…

Primeiro porque no TEDx eles solicitam uma frase de impacto, que é usada na divulgação. E agora? Qual frase que mais vai fazer sentido com minha palestra? Qual frase que vai dizer um pouco sobre mim?

Ali eu já comecei a quebrar minha cabeça, então escolhi: SIGA EM FRENTE, SEM SE LAMENTAR DOS TOMBOS.

Depois veio a expectativa de tornar público que eu participaria (nossa, eu queria muitoooo dividir com as pessoas, mas tinha que esperar a comissão liberar a divulgação, fiquei sem unhas).

Fiquei muito feliz com tanto carinho, e por ser em Joinville ainda, uma cidade que amo e tenho tanta gratidão.

A temática era quebra-cabeças, e eu nunca mais tinha olhado para a minha história, pro meu passado. Foi tão emocionante, perceber minha jornada, os ajustes de rotas, as frustrações, os erros e como Deus foi criativo me colocando neste caminho que estou hoje.

Comecei a assistir muitos vídeos de TED para buscar estratégias, inspirações, e logo vi mais um desafio, talvez o maior: o tempo. Eu geralmente tenho 1 hora e 30 minutos, então nos primeiros 15 minutos é pura conexão, ambientação com a plateia. E No TEDX a duração total é 18 minutos, isso muda tuudo.

Foram algumas noites investidos em esboço, tentando encontrar qual seria a essência da minha palestra, qual recado principal que eu gostaria que o público levasse para suas vidas. Eu pensava em como minha palestra poderia impactar pessoas com mudanças/milagres.

Mergulhei no meu propósito, no meu chamado. Com ajuda da curadoria do TEDX e de um colega publicitário, fomos ajustando até fechar o tempo.

Isso requer sabedoria, paciência, estratégia. Pense nisso tudo combinado com meu jeitão, porque não abri mão não, e a comissão do TEDX me deu toda a liberdade que eu precisava para isso.

Como no texto apareceu muito a palavra “podium”, o Roberto Rangel teve a incrível ideia de construirmos um podium para que eu pudesse utilizá-lo, contextualizando como quando eu subi no podium para ganhar o prêmio mundial de Oratória. E depois para tirar uma placa do medo de falar em público, que estava ocupando o lugar mais alto do podium, pois é meu propósito e legado mostrar que é possível tirar esse medo de lá.

Então começou a correria de fazer um podium, uma placa, e essa parte era tensa, poque eu estaria de salto subindo nesse podium. Como sou desastrada, treinei muito para subir e tirar a placa com jeitinho (ufaaaaaa, deu certo).

Eu estava feliz pela minha dedicação, pois estava dando meu melhor. Além de que o ensaio fez toda a diferença, já que sozinha é uma coisa e no palco é outra.

Eu adoro caminhar pelo palco, e eu tinha que ficar naquele espaço do tapete vermelho. Fora o cronômetro gigante na minha frente.

O dia chegou e eu fui a penúltima a entrar. Estava super tocada já pelas apresentações dos meus colegas e o mais gratificante foi presenciar o engajamento e a sensibilidade da comissão. Que orgulho presenciar tantos jovens fazendo a diferença, e tudo isso com muuita alegria.

Minutinhos antes eu fiz minha oração e pedi a Deus que me acompanhasse, Ele conhecia minha intenção. Quando entrei no palco, a primeira coisa que falei foi: VAI SER BOM. Eita, já estava em casa.

O principal para mim era que tinha que ser  divertido de fazer. E foi, me conectei com as pessoas, com minha mensagem, sem se preocupar com nenhuma técnica. Deixei fluir, Lena sendo Lena.

Tanto é que não poderia faltar fiasqueira. Quando o speaker termina a palestra, ele deve agradecer e voltar para o camarim. Mas euzinha, sem noção, comecei a gritarrrr “EU AMO VOCÊS JOINVILLEEEEEE”. E meu marido na plateia fazendo aquele sinal de vaza, tipo não estraga tudo.

Eu comparo o TEDX com o mesmo impacto na minha vida do meu prêmio na Áustria. Foi memorável, intenso e gratificante.

Que depois das pessoas assistirem meu vídeo elas possam enxergar Oratória de um jeito diferente.

Obrigada a Deus, à minha família, amigos e ao grupo incrível e corajoso do TEDX Bom Retiro.

 

Lena Souza | TEDx Bom Retiro

 

 

Cursos Online

PITCH DE VENDAS ORATÓRIA

 

 

 

 

Envie seu comentário

Atendimento Whats